Substituição do altofalante de campo

Separadores primários


SUBSTITUIÇÃO DE UM ALTO-FALANTE DE CAMPO


Substituição do alto-falante de campo por um modelo de imã permanente


Durante a década de trinta foram muito populares os alto-falantes de “campo”, chamados assim porque não possuíam um imã permanente para gerar o campo magnético que contrariaria o da bobina móvel. Esse campo era gerado por uma bobina fixa que, ao ser atravessada por uma determinada tensão, produzia o campo magnético necessário.


Imagem de um rádio com alto-falante de campo


Para compreender melhor o funcionamento destes dispositivos sugere-se a leitura do artigo “CONHECENDO OS ALTO-FALANTES”.

Sabendo-se da necessidade de alimentação da bobina de campo, é importante, antes da substituição, perceber de onde vem essa tensão.

Para melhorar a filtragem dos circuitos de rectificação era usado o tipo de filtragem em “PI”. Assim a tensão no cátodo da rectificadora era filtrada por um primeiro condensador. Deste ponto era retirada a alimentação para a placa da válvula de saída devido ao facto de ser esta a válvula de maior consumo. Para alimentar as válvulas restantes era colocada em série uma indutância (bobina) com o fim de reduzir o ripple e aumentar a impedância da fonte. Um segundo condensador eliminava os resíduos de alterna. Para simplificar o circuito, a indutância utilizada era precisamente a bobina de campo do alto-falante.

Assim, ao substituir-se o alto-falante de campo por um de imã permanente tem de se providenciar uma substituição para essa bobina. Pode substituir-se por outra de indutância semelhante ou, na falta desta, uma resistência de valor omico semelhante ao da bobina de campo do alto-falante. Porém essa solução reduzirá consideravelmente a filtragem da tensão do +B, uma vez que a resistência não tem a indutância oferecida por uma bobina de campo.

Assim sendo, o condensador de saída da fonte deverá ser aumentado, para se manter a componente de 50Hz ou 60Hz da rede num nível aceitável (ou seja reduzir ao máximo o zumbido no áudio introduzido pela fonte).

Na maioria dos casos não temos uma indicação clara da resistência à corrente contínua do "campo" nos diagramas dos rádios; assim, temos de fazer um cálculo aproximado do valor da resistência usada para a substituição.

Supondo-se que estamos diante de um rádio com as seguintes válvulas:
6A7, 6D6, 76, 41 e 80
Num circuito como este, um dos lados da bobina de campo, é ligado a um dos pinos do filamento da 80(rectificadora), juntamente com um dos condensadores de filtro. A tensão nesse ponto, será a máxima tensão de +B (+/- 330 Volts dc). o outro lado do campo, estará ligado à placa da 41 (saída de áudio), e também ao outro condensador de filtragem. A tensão nesse ponto é de aproximadamente 240 Volts, indicando uma queda de tensão de 90 Volts no "campo".
Se soubermos a corrente que circula pelo "campo" poderemos calcular o valor correcto da resistência substituta usando a “lei de ohm”.

Utilizando um manual de válvulas, ou consultando tabelas de características em algum dos inúmeros sites na Internet, poderemos calcular o consumo de corrente das válvulas.


Por exemplo:

6A7 Para operação com 250 Volts na placa:
Corrente da placa = 3,5 mA
Corrente da grelha g3 = 2,2 mA
Corrente da grelha g2 = 4,0 mA
Corrente da grelha g1 = 0,7 mA
Total = 10,6 mA


Assim, temos:

6A7 = 10,6 mA
6D6 = 10,2 mA
76 = 2,5 mA
41 = 37,5 mA
Total = 60,8 mA


(Obs. a rectificadora não entra neste cálculo, por estar antes da bobina de campo.)

Usando a lei de ohm:

R=E/I ((R)resistência é igual à (E)tensão dividida pela (I)corrente)


A queda de tensão que temos de obter é de 90 Volts como vimos acima. A corrente consumida pelas válvulas é de 60,8 mA


Aplicando os dados acima à lei de ohm temos:

90/0,0608 = 1480 ou seja a resistência será de 1480 ohms que pode ser "arredondada" para 1500 ou 1K5


Para calcular a dissipação em watts da resistência, usaremos a formula:

Watts= corrente ao quadrado multiplicado pela resistência

No nosso caso, (0,068 x 0,068) x 1500 = 6,936 Watts
Na prática usaremos uma resistência de 1K5/10 watts


Depois de resolvido o problema da substituição da bobina de campo há que ter em atenção que o novo alto-falante deve possuir a mesma impedância da bobina móvel.



Baseado num texto de Meyer Rochwerger


Faça um donativo!

Faça um donativo!

Agora é mais fácil com Paypal!

Com o paypal.me pode contribuir para o site em qualquer moeda e em qualquer valor com a segurança desta plataforma.

Clique aqui para ajudar com o que quiser, com o que poder.