Continuação N.é Hist:

Separadores primários

Pag:11
Era um Domingo foi-me permitido sair um pouco, apenas 2 horas, deambulava sozinho, caminhava triste, pois recordava a terra a família, de quantos problemas deixara pendentes, desconfianças, motivos pelos quais ali estava, enfim, atravessava um enorme parque sem me aperceber, quando reparo num dos lados quantas crianças sentadas, ou brincando, dei-me conta que uma senhora se aproxima, e me diz, claramente na sua língua “junte-se a nós"...
Agradeci, desculpei-me ter pressa em regressar ao porto de mar onde no cais de embarque me esperavam, mas nada disso era a verdade que eu gostaria ter contado, mas das amarguras da vida, dos que contribuíram para que esse mal me sucedesse, os pensamentos em que me sentia mergulhado, mas para quê?..
Disse logo no inicio, ir falar contando um pouco apenas da história desse famoso e imensamente conhecido barco por todo o mundo, e que Lisboa já o viu variadíssimas ocasiões, com suas cores, Azul e branco, poderá ser dito e redito muito além da sua Estrela como símbolo de DAVID, abrangida por um enorme L de seu dono, LAURO...
Não era tão grande como alguns outros conhecidos, mas era isso sim comprovo, até porque assisti muito de perto á sua resistência ao mar bravo, e que apenas utilizava os seus enormes estabilizadores de 25 metros de envergadura em extrema ou último recurso, por vezes parecia estar na vertical, como era lançado de imediato em catadupa ou baloiçar como se de um berço de bebé se trata-se, mas que os passageiros sentiam segurança, porque a maioria se encontrava nas discotecas, e que tantos nunca ou mal se apercebiam, embora destroços no exterior, fossem verificados logo que amainasse, seu comprimento de 200 metros e 35 de largura, “faziam dele um dos mais seguros barcos de passageiros do mundo” o que estava mais que provado, nunca alguma vez senti receio, de qualquer tipo, embora dentro “por vezes cada pessoa mais semelhanças tivesse a borrachos/bêbedos, com os consequentes tombos, encontrões, caídas, eram imensas, loiça partida nem tem conta, e por vezes pernas, braços, além de alguns arranhões, mas nada que não tivesse solução ali mesmo na hora, para isso contava com uma bem apetrechada e equipada enfermaria, 1 médico e 2 enfermeiras... continua


Faça um donativo!

Faça um donativo!

Agora é mais fácil com Paypal!

Com o paypal.me pode contribuir para o site em qualquer moeda e em qualquer valor com a segurança desta plataforma.

Clique aqui para ajudar com o que quiser, com o que poder.