Mariana Selas - Sssshhhhhh... todos se calaram

Separadores primários


SSSHHHHH... TODOS SE CALARAM!



Imagem de um 

cravo



Mariana Selas*

Mais uma vez, ouviam-se notícias saídas de todos os rádios sobre aquilo que se estava a passar.

Com 10 anos, Emília não percebia muito bem o que estava a acontecer, percebia apenas que era algo muito importante. Os pais falavam baixinho e ela só conseguia apanhar “golpe de estado”, palavra que nunca tinha ouvido e que não sabia o significado.

Estava-se no ano de 1974, 25 de Abril, em Portugal. Emília era uma criança como muitas outras que, de repente, se encontraram dentro de um acontecimento avassalador, mas que não compreendiam. Política não existia dentro daquelas pequenas cabeças nem nada semelhante. Os pais falavam a medo do que se passava, sem nada explicarem aos miúdos e estes, enrolados nessa onda também se calavam mal ouviam vozes no rádio que, divulgavam os acontecimentos mais recentes. Depois era música o tempo todo, curiosamente, só música portuguesa.


Soldados num tanque de guerra 

com cravos


Na escola a professora levou um pequeno rádio onde todos se juntavam para ouvir as notícias. Emília não percebia, mas adorava todo aquele mistério, suspense e, ansiedade que, envolvia naquele momento a sua vida, sempre tão normal!

Emília hoje com 40 anos, recorda esses tempos e a paixão que sente quando liga o seu pequeno rádio e ouve tudo: musica, vozes, ideias, gostos, drama, humor, amor, tudo, tudo brota daquele pequeno aparelho. Ainda bem que ondas curtas e compridas nos ligam num abraço de cumplicidade, para sempre a RÁDIO!



*Mariana Selas passa os seus dias de volta dos livros: sente-os, folheia-os, examina-os com perícia de técnica. Extrai-lhes o que escapa ao leitor comum - datas, autores, títulos, número de páginas, editor, etc - mas que são importantes para a catalogação e arrumação destes.
No fim, o livro terá o seu lugar algures numa prateleira. Lugar só seu, único, intransmissível.
Durante este trabalho solitário a Mariana tem sempre por companhia o rádio... Nas escassas horas vagas gosta de escrever. Contos juvenis são o seu gosto mas a rádio também pode ser tema, como o comprovam alguns artigos encontrados neste site:



Faça um donativo!

Faça um donativo!

Agora é mais fácil com Paypal!

Com o paypal.me pode contribuir para o site em qualquer moeda e em qualquer valor com a segurança desta plataforma.

Clique aqui para ajudar com o que quiser, com o que poder.