Galerias privadas

Indústrias culturais no Estado Novo: o caso da música ligeira

A 2 de março de 2015, a minha aula de Indústrias Culturais e Criativas foi preenchida com um convidado que tem trabalhado a intersecção de indústrias culturais e Estado Novo: Pedro Russo Moreira. A sua tese de doutoramento, “Cantando espalharei por toda parte”: programação, produção musical e o “aportuguesamento” da “música ligeira” na Emissora Nacional de Radiodifusão (1934-1949), trabalhou as indústrias da música no Estado Novo (disco, edição de partituras e rádio).

Fotos: 
Imagem: 
Irmãs Meireles

Rever datas da história da rádio

E se eu atrasasse o começo da história da rádio em Portugal para 1923 (e não 1924) e o começo das emissões regulares da Emissora Nacional para bastantes meses antes de agosto de 1935? Não seria mais confortável para a ideia de modernidade tecnológica da rádio no país? O artigo do Diário de Notícias de 27 de fevereiro de 1929 refere que CT1AA começou a emitir experimentalmente em 1923, um documento (cópia) indica que CT1AB começou a experimentar emissões de rádio em 1924.

Fotos: 
Imagem: 
Artigo do Diário de Notícias de 27 de fevereiro de 1929
Joaquim Dias Melo
Diário de Notícias de 21 de janeiro de 1935
Diário de Notícias de 6 de janeiro de 1935

Hora da Saudade

Primeiro, chamou-se Meia Hora da Saudade, passando a intitular-se Hora da Saudade, pelo êxito tido. As emissões começariam em 1936, de início orientada para imigrantes portugueses nas colónias em África e, depois, para pescadores do bacalhau no mar frio do Atlântico Norte e para os soldados durante o período da guerra colonial (1961 em diante).

Fotos: 
Imagem: 
Hora da saudade
Borges de Carvalho

Rádio Clube da Huíla

Em Angola, o movimento de rádios era forte ao longo da década de 1950. Para debater problemas organizativos dessas estações, Rádio Clube da Huíla (em Sá da Bandeira, atual Lubango) promoveu um encontro nacional de rádios clubes. O Jornal de Notícias (Porto) deu eco dos preparativos dessa reunião (10 de maio de 1957).

Fotos: 
Imagem: 
Rádio Clube da Huíla

Atwater Kent 1924

Atwater Kent (1873-1949) foi o primeiro industrial americano a produzir equipamentos de rádio em massa, estabelecido em Filadélfia. Em 1921, produziu os primeiros componentes dedicados à rádio e, em 1923, vendeu os primeiros recetores. No ano seguinte, abriu uma fábrica dedicada ao ramo. Em 1925, a Atwater Kent Manufacturing tornou-se a maior empresa de rádios nos Estados Unidos. Entre 1926 e 1934, a empresa patrocinou o programa The Atwater Kent Hour, com concertos nas estações NBC e CBS.

Fotos: 
Imagem: 
Modelo exposto na Fábrica da Ciência Viva
Outra foto do modelo exposto na Fábrica da Ciência Viva
Outra foto do modelo exposto na Fábrica da Ciência Viva

Página 1

O programa começou a emitir a 1 de janeiro de 1968 e acabou na primavera de 1975. O primeiro locutor foi Jorge Schnitzer, acompanhado por Maria Helena Fialho Gouveia. Emitido em Rádio Renascença, das 19:30 às 20:30, mais tarde alargado até às 21:00, teve colaboração especial da redação da revista Flama no seu início. Logo depois, em fevereiro, José Manuel Nunes assumia a liderança de Página 1. Outro elemento de destaque do programa foi o jornalista Adelino Gomes. O técnico seria Moreno Pinto, mais tarde substituído por José Videira.

Fotos: 
Imagem: 
Foto alusiva ao artigo
Outra foto alusiva ao artigo
Outra foto alusiva ao artigo
Outra foto alusiva ao artigo

As emissões de rádio em Portugal começaram no outono de 1924

A revista TSF em Portugal começou a publicar-se em 9 de novembro de 1924, dirigida por Álvaro Contreiras, então funcionário da Marconi. O seu objetivo era “publicar em Portugal uma revista da especialidade, onde informássemos os nossos compatriotas dos progressos existentes, acompanhando a sua marcha, elucidando os novos inventos que aparecem, enfim, tudo que interessa à radiotelefonia e à radiotelegrafia”.

Fotos: 
Imagem: 
Número de 15 de fevereiro de 1925
Número de 15 de março de 1925
Número de 30 de novembro de 1924
Número de 18 de janeiro de 1925
Número de 28 de dezembro de 1924
Número de 08 de março de 1925
Número de 15 de março de 1925

Teatro radiofónico

“Se a Emissora Nacional fosse dirigida pelo voto do público” foi o título de coluna editada em Rádio Nacional, a 8 de outubro de 1949. Foi uma atitude rara, a da publicação colocar opiniões tão díspares sobre a mesma produtora, Virgínia Vitorino, que na rádio se assinava com o nome artístico de Maria João do Vale.

A primeira carta era de uma grande crítica: em vez de teatro radiofónico uma “porcaria cacofónica”. Na segunda carta, pedia-se a repetição de programa da mesma autora. A terceira (manuscrita) pedia peças mais leves e alegres e menos choronas.

Fotos: 
Imagem: 
Teatro radiofónico

O sonho de Ricardo Isidro, o médico da coxinha do Tide

Ricardo Isidro e Lily [Lurdes] Santos Frias foram os célebres protagonistas dos folhetins Tide, da Rádio Graça, depois conhecidos pelos folhetins da Coxinha. Ele encarnava a personagem de um médico, ela a de uma deficiente (coxeava). Propôs-se operá-la e torná-la uma pessoa normal. Mas apaixonou-se por ela. Após a morte da esposa do médico, este ficou livre e casou com a antiga coxinha. O enredo lento da história, no tocante à agonia de Raquel, a má da radionovela, exasperou as ouvintes do programa das 14:30.

Fotos: 
Imagem: 
Foto de Ricardo Isidro

Compre o gira-discos e leve os discos

O anúncio, publicado no Jornal de Notícias de 4 de maio de 1972, é inovador. A quem comprava o hardware (o giradiscos e rádio de 1450$00) oferecia-se o software (31 discos de música ligeira portuguesa). Antecipava – ou já era contemporânea de – a estratégia comercial dos videojogos. Logo, nas análises atuais, temos de fazer revisionismo histórico, pois o que parece ser de hoje já se praticava há décadas. O preço do giradiscos corresponde hoje a 337,07 euros (cálculo a partir do conversor da Pordata).

Fotos: 
Imagem: 
Anúncio publicado no Jornal de Notícias 4 maio de 1972

Páginas


Faça um donativo!

Faça um donativo!

Agora é mais fácil com Paypal!

Com o paypal.me pode contribuir para o site em qualquer moeda e em qualquer valor com a segurança desta plataforma.

Clique aqui para ajudar com o que quiser, com o que poder.