Um rádio com história

Separadores primários

Rádio Marconi

Existe sempre uma história associada a um recetor de rádio.

Na maior parte das vezes é-nos desconhecida. Ficou na casa onde “viveu” por longos anos, na família que o acolheu e com quem partilhou tantos momentos, uns bons, outros nem tanto assim.

Mas, em alguns casos, há uma outra história, desta vez a de quem o salvou da morte certa num qualquer contentor de lixo, depois de um abandono e entrega à ferrugem e humidade.

Aqui estarão essas histórias, as daqueles rádios especiais, muitas vezes os únicos numa coleção enorme.

Se tem alguma dessas histórias, faça o favor de as partilhar connosco.