História da rádio do Porto contada às novas gerações (X)

Separadores primários

História da rádio do Porto
Outra foto

A rádio é indissociável da música. Durante muitas décadas, a forma de contactar com a música - e as suas novidades - foi quase apenas possível através da rádio. Destaco aqui dois momentos: o dos locutores que também cantavam e as artistas da rádio, ligadas por um acordo com as estações e, depois, a participarem em concursos de reis ou rainhas da rádio.

Um dos locutores foi Júlio Guimarães, iniciado em Portuense Rádio Clube e mais conhecido em Ideal Rádio e na apresentação de espetáculos. Numa entrevista, ele diria: "cantei e o locutor Gomes de Oliveira, no fim, anunciou aos ouvintes: «nasceu mais uma estrela». Sabe o que é isto para um rapaz de 18 anos? É peso de mais. Foi o que eu senti: um peso muito grande. Depois, fui-me habituando aquelas expressões que os nossos locutores, os nossos autores de programas, utilizam e fui entrando no sistema. [...] Cantei nesse dia que é uma canção que ainda hoje adoro, napolitana, que se chama "A Guitarra Romana". Havia um maestro, o Carlos Silva, que começou a compor para mim, o Resende Dias, também. Lá fui cantando, fazendo a minha carreira. Fui admitido como locutor também na mesma estação emissora". Quem o quiser recordar, pode ouvir em https://www.youtube.com/watch?v=jKeSUWqYDMg.

Outro locutor/cantor foi Fernando Rocha [o material seguinte, incluindo a fotografia tirada no estúdio da Ideal Rádio devo-o a ele, pelo que aqui agradeço]. Na década de 1940, músicas e cantores europeus, de Espanha, Itália e França, eram apreciadas na rádio. Fernando Rocha começou a cantar as de Charles Trenet, até que o apelidaram de Charles Trenet português. A sua voz, num tango, pode ouvir-se em https://www.youtube.com/watch?v=_J96bvgbOgQ. Fernando Rocha foi profissional na Emissora Nacional e em Rádio Renascença.

Os concursos de rainha da rádio também elegeram uma cantora portuense, Maria Amélia Canossa. Como se observa no recorte da revista "Flama" (6 de julho de 1951), ela ganhou o prémio de princesa da rádio portuense no concurso dessa publicação. A "Flama" publicaria um número com a cantora na capa, mas não encontro esse ficheiro. Além de uma carreira cheia de sucessos em Portugal e fora do país, Amélia Canossa seria ainda festejada por dar a voz ao hino do Futebol Clube do Porto.


Faça um donativo!

Faça um donativo!

Agora é mais fácil com Paypal!

Com o paypal.me pode contribuir para o site em qualquer moeda e em qualquer valor com a segurança desta plataforma.

Clique aqui para ajudar com o que quiser, com o que poder.